Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Quarta, 23 Setembro 2020 10:15
VEJA GRÁFICOS

Ideb e prêmio nacional atestam avanço da Educação pública alagoana em todos os níveis

Estado vem apresentando curva ascendente nos resultados desde 2015; premiação Excelência em Competitividade comprova melhorias

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Anos iniciais do Fundamental obtiveram um ponto a mais do que a meta do MEC Anos iniciais do Fundamental obtiveram um ponto a mais do que a meta do MEC Agência Alagoas
Texto de Agência Alagoas

Divulgado essa semana pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), o resultado do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de 2019 comprova os avanços na Educação de Alagoas em todos os níveis de ensino. Nesta edição, o estado ultrapassou as metas estipuladas para os anos iniciais e finais do Ensino Fundamental e também cresceu nas notas do Ensino Médio. Na curva de resultados do Ideb, nota-se um crescimento progressivo desde a avaliação de 2015.

Um dos principais responsáveis pelos resultados positivos é o Programa Escola 10, criado pelo Governo do Estado para impulsionar a educação pública em colaboração com os Municípios alagoanos. Seus efeitos se refletiram no Ideb: a rede pública de ensino de 94% dos municípios alcançou a meta projetada pelo Ministério da Educação (MEC), conquistando o 2º lugar nacional no cumprimento de metas dos anos iniciais do Ensino Fundamental na edição 2019, atrás apenas do Ceará.

A eficiência da estratégia foi reconhecida na última quinta-feira (17), quando o Escola 10 recebeu o Prêmio Excelência em Competitividade na categoria Boas Práticas – premiação promovida pelo Centro de Liderança Pública (CLP), que também realiza o Ranking de Competitividade dos Estados.

Nos anos iniciais do Ensino Fundamental, Alagoas alcançou a marca de 5,3 pontos, ultrapassando a meta de 4,3 estipulada para 2019. Para os anos finais do Ensino Fundamental, o estado atingiu 4,5 pontos, sendo a meta estipulada pelo MEC de 4,1.

Agência Alagoas

As escolas de Ensino Médio também apresentaram melhora em seus índices ao longo dos últimos anos. Entre 2015 e 2017, Alagoas saiu de 2,8 para 3,3. Em 2019, alcançou a nota de 3,6. Neste nível escolar, o Programa Alagoano de Ensino Integral (Palei) contribui decisivamente com o avanço em todo o estado: doze escolas de ensino médio integral apresentaram desempenho acima da média nacional do Ideb para a categoria.

Agência Alagoas

Localizada na cidade de Santana do Ipanema, a Escola Estadual Professora Laura Chagas obteve a pontuação 5,0. Ela é umas das 21 escolas estaduais – de ensino integral e do modelo tradicional – que bateram ou superaram a meta do MEC para a rede estadual de ensino, que era de 4,4. Se considerarmos a quantidade de escolas que conquistaram nota igual ou superior à média alcançada nacionalmente (4,2), esse número sobe para 45 escolas.

Em todos os níveis de ensino, Alagoas também alcançou melhorias na proficiência em Língua Portuguesa e Matemática. O desempenho dos estudantes da rede pública nestas duas disciplinas na prova do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) é um dos indicadores usados para o cálculo do Ideb.