Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Segunda, 23 Abril 2018 15:09
RECADASTRAMENTO

Servidores estaduais ativos ainda podem fazer recadastramento online

Portal do recadastramento está no ar e conta com todas as diretrizes sobre o procedimento, que deve ser feito até o dia 15 de maio

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Servidores que não realizarem o recadastro terão o pagamento suspenso Servidores que não realizarem o recadastro terão o pagamento suspenso (Foto: Minne Santos)
Texto de Igor Gouveia

Prossegue até o dia 15 de maio o prazo para que os servidores ativos do Poder Executivo estadual realizem o recadastramento funcional obrigatório que está sendo realizado pelo Governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio (Seplag).

 

A ação, feita exclusivamente no portal recadastramento.seplag.al.gov.br, atende aos requisitos exigidos pelo Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas, mais conhecido como e-Social.

 

“Já tivemos um volume muito bom de servidores nesta primeira semana de recadastramento. Agora, reforçamos a necessidade dos que ainda não fizeram o procedimento de realizá-lo, tendo em vista que é algo obrigatório”, explica o secretário titular da Seplag, Fabrício Marques Santos.

 

Um dos objetivos primordiais da ação é a atualização e correção dos dados existentes atualmente no sistema da folha de pagamento do Estado. Conforme a Seplag, tais dados precisam atender aos critérios do e-Social, que está instituído pelo decreto do governo federal nº 8.373 de 11 de dezembro de 2014.

 

Facilitado

 

No site os servidores devem preencher os campos disponibilizados com suas informações mais atualizadas. Além de simples, o procedimento é rápido e prático. No portal, os colaboradores podem ainda visualizar um vídeo tutorial que ajudará no processo inserção de dados.

 

Em caso de dúvidas, além de procurar as unidades administrativas de Gestão de Pessoas de cada órgão, os servidores contarão ainda com uma ouvidoria que irá auxiliá-los. Para entrar em contato, basta contatar o número 3315-1818 ou pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.