Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Segunda, 28 Novembro 2016 18:56
AÇÃO CONJUNTA

Ciosp se une ao videomonitoramento e garante mais agilidade no atendimento às ocorrências

A ideia veio no intuito de agilizar, ainda mais, a ação mediante ocorrência recebida

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Ciosp se une ao videomonitoramento e garante mais agilidade no atendimento às ocorrências (Fotos: Ascom/SSP
Texto de Eva Pimentel

O bem-estar e a segurança do cidadão alagoano são sempre prioridade para a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP/AL). Pensando nisso, as forças, mais uma vez, se integraram, unindo setores que recebem e repassam as ocorrências ao setor que monitora, em tempo real, alguns pontos na cidade.

 

O Centro Integrado de Operações da Segurança Pública (Ciosp) é responsável pela comunicação entre os policiais que recebem as ocorrências e os que estão em serviço operacional. Com a junção ao setor de videomonitoramento, além de receber a descrição da situação, ele podem acompanhar, em tempo real, pelas câmeras espalhadas pelos bairros da capital.

 

As polícias Militar e Civil, Corpo de Bombeiros e a Perícia Oficial do Estado trabalham em conjunto e, em um mesmo setor, recebem, filtram, monitoram e, por fim, realizam a ação ostensiva para qualquer tipo de ocorrência.

 

Os setores conversam entre si e a ocorrência pode ser recebida pelos telefones do Copom, como também detectada pelas câmeras do videomonitoramento, dando uma maior eficiência ao trabalho policial. A integração inclui também profissionais do sistema prisional, que monitoram a violação de tornozeleiras eletrônicas.

 

O capitão Carlos Alberto Silva, chefe do Videomonitoramento e de Operações do Ciosp, avalia como um ganho fundamental a junção dos serviços, dando celeridade ao que pode ser desencadeado na rua.

 

“Com todas as unidades dentro do videomonitoramento, as forças irão atuar em tempo real com maior proximidade. Isso é muito significativo. Com a mudança, o trabalho passou a ser mais integrado e as ações executadas com maior rapidez”, afirma o oficial.

 

Ele também explica o entrosamento das equipes para melhor atender à população. “O Copom recebe a informação e, na mesma hora, os operadores já estão vendo onde é o local da ocorrência. Podemos girar as câmeras para o endereço do fato ou monitorar as câmeras mais próximas. Pelas câmeras observamos se o suspeito está armado ou com droga e que viatura podem mandar. De acordo com a situação, numa fuga de veículos, por exemplo, já monitoramos tudo, orientamos imediatamente a guarnição e dá certo”, ressalta o capitão Alberto Silva.

 

Videomonitoramento

 

Implantado desde 2011, o videomonitoramento é uma das ferramentas que auxiliam o trabalho operacional das polícias no Estado, inclusive nas investigações das inteligências e elucidação de casos de grande repercussão.

 

Segundo a supervisora do Videomonitoramento da SSP/AL, tenente Rosiana Alvin de Brito, a junção com o setor vai garantir maior eficácia nas ações e a melhoria na segurança dos pontos onde as câmeras então instaladas.

 

“Funcionamos como uma engrenagem, e quanto maior a integração, melhor são nossos resultados. Ficou clara a redução de crimes nos locais monitorados. Além de conseguirmos registrar aquilo que está acontecendo em tempo real, as câmeras afastam os criminosos” concluiu a tenente.